sexta-feira, 12 de fevereiro de 2010

Rio, 42


- Quer um limão?
- Mais tarde.
- A banda de Ipanema sai amanhã.
- Prefiro o Bola Preta.
- Tá doido? esse tá cheio demais. Ano passado deu mais de um milhão.
- Sanduíche natural, olha o sanduíche.
- O sujeito abre uma lata de atum, coloca no pão e chama isso de sanduíche natural.
- Chamou, freguês?
- Chamei não.
- Quem quer empada?, empada praiana.
- Tem de frango?
- Acabou. Tem palmito.
- Duas.
- Sete reais.
- Ontem era seis.
- Hoje é sete. Quer ou não?
- Dá.
- Açaí, açaí.
- Domingo tem o cordão do Boi Tatá.
- Desse eu gosto, mas é cedo.
- Parece que a Teresa Cristina vai tocar.
- Ela sempre dá uma palhinha.
- Tem côco, moço?
- Tá geladão.
- Um bem verde, faz favor.
- Tá aqui. Pega o canudinho.
- Laranja com cenoura! Suco natural.
- Caraca, que calor!
- Ontem fez 42 graus.
- Em Paris caiu a maior nevasca.
- Olha, vou dar um mergulho. A água tá ótima hoje.
- Quer brinco, freguesa? Sou eu mesma que faço.
- Hoje não.
- Dá só uma sacada naquele argentino com camisa do River Plate.
- Tirou a camisa. Vai entrar no mar.
- Cacete, levou o maior caldo.
- Chapéu, chapeau, hat. Barato, pas cher, cheap.
- Vendedor poliglota...
- No Rio todo mundo se vira.
- Olha, tô achando a água escura demais hoje. Deve estar suja.
- Suja nada. É uma alga que se prolifera com o calor, tchê. La no Guaíba tem a mesma.
- Que mania é essa de pensar que o Rio Grande é o centro do mundo?
- Baguete recheada! Calabresa, presunto, tomate.
- Hey, mister. Eu querer uma.
- De quê?
- Tomato, plis.
- Já definiu que fantasia vai usar?
- Nada. E você?
- Vou de presidiário. Até já comprei a máscara do Arruda.
- Aaaaaaabacaxi.
- Esse cara do abacaxi... Trata-se do maior chato da praia.
- Daniel, é melhor você sair do sol. Vai acabar se queimando.
- Sair daqui? Nem morto. Tenho que trocar esse branco Champs Élysées por um bronzeado carioca.
- Quer um limão?
- Quero. Me vê um grande, com um pouco de mate.
Leia também as histórias em quadrinhos de Belle & Chico. Em http://www.bellechico.com.br/

4 comentários:

Anônimo disse...

que inveja!!! tb queria estar no Rio escutando o abacaxi mais chato da praia!!! e as marchinhas francesas ja cantou??? bjos e parabens!!!
constance

Beth disse...

Mais uma pra lista da inveja! Tb queria trocar meu branco "Champs Élysées" por um bronzeado soteropolitano (pardon, Je suis de Salvador)! Bom brozeado! ;)

Teresa Souza disse...

Oi Daniel, adorei seu texto praia de Ipanema!!Exatamente isso e mais um pouco. Foi bom ser carnaval carioca?
Olha só, segui a sua dica e na segunda-feira coloquei o contador de visitas com mapa e estatísticas no meu blog e em 4 dias ultrapassei as fronteiras brasileiras!! Estou adorando esse brinquedo novo. Imagina em 1 ano de blog onde já devo ter ido. Beijo e obrigada.

Dr. Diario disse...

muuuuito bom...me traz bons momentos dos 10 anos que morei no rio...valeu!!!