sexta-feira, 22 de fevereiro de 2008

La vie à Paris

Mudar de país significa mudar de hábitos, muitas vezes sem a gente se dar conta. Fiquei meio chocado quando me peguei comendo um croque-monsieur, nosso singelo e básico misto-quente, de garfo e faca. E o pior: como se fosse a coisa mais normal do mundo.

Aí percebi que tenho soltado impunemente várias palavras e frases que aqui fazem todo sentido, mas no Brasil soariam meio esquisitas. Fiz uma lista de algumas delas.


. Hoje nem tá tão frio assim. (Ao sair de casa com apenas 2 casacos, ao invés dos 3 ou 4 habituais)

. 35 metros quadrados? Você vive numa mansão? (Espantado com o tamanho da casa do amigo felizardo, que mora em um quarto e sala)

. Hoje vai ter um aperô lá em casa. (Convidando para um aperitivo, que é um jantar sem ser um jantar)

. Garçom, esse vinho está bouchonné. (Eu não sabia que vinho estragava, confesso. Agora "bouchonné" é uma palavra do dia-a-dia, tipo leite).

. Tem um bar baratinho lá perto de casa. O chope só custa o equivalente a 8 reais.

. Não, de boi mesmo. (Respondendo ao açougueiro, que pergunta se eu quero carne moída de cavalo)

. Amanhã vai ter um aperô na casa da Léa.

. É fácil: você pega a 8, troca pela 6 e depois pela 13. Ou então pega a 2, a 11 e a 4. (Tem 14 linhas e 386 estações de metrô em Paris, mas todo mundo conhece a melhor rota para cada destino. Ou diz que conhece.)

. Buf! (Quando acha ruim, o parisiense bufa)

. Merde! (Quando acha ruim, o parisiense diz "merde")

. Putain! (Quando acha ruim, o parisiense diz "putain")

. Génial! (Quando não acha ruim, o parisiense acha tudo "génial")

. Sábado tem um aperô na casa do Jacques.

. Eu prefiro na manteiga. E você? (Conversando com um amigo sobre como ele gostava de comer escargot)

. É português. (Só pra lembrar que não falamos brasileiro)

. O que é aquele objeto estranho, amarelo, ali no horizonte? (Ao apontar o sol)

. Não, uma caipirinha feita com 51 não vale 25 reais.

. Tudo isso por causa do meu pequeno atraso de 2 horas?

. A Marie perguntou se a gente está livre na 3a feira. Ela quer fazer um aperô.

9 comentários:

ML disse...

Aperô é uma ótima hora para tomar Aperol, já que os europeus acham que aperitivo é birita... vou te contar que Spritz, vinho com Aperol, é das melhores coisas que eu aprendi na Itália.

Renata disse...

Querido, vou praí vender 51. Putz!!!
Saudade gigante
bjos
Doce

Felipe Campbell disse...

Gostei do novo visual do blog.

E R$ 8 na cerva é foda. Mas aqui em Brasília tem umas mais chiques que custam R$ 15. E aí elas devem custar 2 euros. Uma mão lava a outra!!!

abs

Flor do México disse...

Gargalhando de dobrar com essa sua nova 'identité'!
Isso nos prova o quão adaptáveis somos todos, não é mesmo? Seja aqui, em Paris and everywhere!
Quando ver aqui de novo, vamos fazer um aperô (já fizemos alguns mesmo), só pra não perder o hábito!
Mas confesso que gostaria de ver esse seu poder de adaptação entre os Sioux, por exemplo! Acho que você ia começar a praticar escambo, fazer sinais de fumaça com a fogueira e dançar como um louco no festival do milho!
kiakaikaia
Besos muchos!
Flor do México! ;)

FabiCatarse!! disse...

(São Paulo tentando ser Paris: o projeto do governo paulista consiste em agregar números às estações de metrô de SP. Já estou até vendo o resultado: sambadocrioulodoido.)

Em relação ao fato de no Brasil falarmos português, palavra de lingüista, há muitas controvérsias quanto a isso. Quando alguém disser que no Brasil falamos brasileiro, diga que fica feliz em saber que estudiosos brasileiros como Gilvan Müller e Marcos Bagno estão sendo lidos pelos franceses e que, acima de tudo, estão encontrando o apoio de suas idéias!! hehehehehe Na minha humilde opinião, falamos uma língua muito parecida com o português, mas que caminha a passos largos para o brasileiro.

Beijo!

(PS: Renata, precisa de uma sócia?!)

Fabíola disse...

Olá! Cheguei ao teu blog por acaso e acabo de le-lo de cabo a rabo. Ri muitíssimo e li muitas postagens pr meu marido. Tô morando em Grenoble faz 3 meses, aprendendo o francês e me identifiquei muito. Parabéns pelo blog, os textos são ótimos.

Laura disse...

Vc tinha de ter comentado o fato de que a gente conta essas "mudanças de habito" e a metade nao acredita!
boa semn!

Anônimo disse...

Salut!
Conhecei seu blog através do Monde Diplo Brasil on line, muito engraçado! Recomendei até para meus amigos.
Au fait, sou francesa, morando no Brasil há 6 anos. Se você passar por Goiânia um dia, vamos fazer um apéro!!!

I LOVE YOU disse...

性愛自拍,美女寫真,亂倫,戀愛ING,免費視訊聊天,視訊聊天,成人短片,美女交友,美女遊戲,18禁,三級片,自拍,後宮電影院,85cc,免費影片,線上遊戲,色情遊戲,日本a片,美女,成人圖片區,avdvd,色情遊戲,情色貼圖,女優,偷拍,情色視訊,愛情小說,85cc成人片,成人貼圖站,成人論壇,080聊天室,080苗栗人聊天室,免費a片,視訊美女,視訊做愛,免費視訊,伊莉討論區,sogo論壇,台灣論壇,plus論壇,維克斯論壇,情色論壇,性感影片,走光,色遊戲,情色自拍,kk俱樂部,好玩遊戲,免費遊戲,貼圖區,好玩遊戲區,中部人聊天室,情色視訊聊天室,聊天室ut,成人遊戲,免費成人影片,成人光碟,ut聊天室